quarta-feira, 28 setembro, 2022

Primeira equipe de engenharia do Vietnã cruza 10.000 km para missão da ONU em Abyei

Um avião especial do governo australiano transporta a primeira equipe de engenheiros e o quarto Hospital de Campo Nível 2 do Vietnã em uma missão (Foto: VNA)

Os 156 membros restantes da primeira equipe de engenharia do Vietnã chegaram às 14h (horário local) na quarta-feira em Abyei, uma área entre o Sudão e o Sudão do Sul, encerrando a jornada de quatro dias e noites para percorrer 10.000 quilômetros, como parte das Nações Unidas missões de paz.

Abyei (VNA) – Os restantes 156 membros da primeira equipa de engenharia do Vietnã chegaram às 14h00 (hora local) de quarta-feira a Abyei, zona entre o Sudão e o Sudão do Sul, terminando a viagem de quatro dias e noites de 10 mil quilómetros, como parte das missões de paz das Nações Unidas.

É a marcha de maior distância do Exército Popular do Vietnã por seis países e territórios tanto por terra quanto por via aérea, na qual os oficiais partiram do Aeroporto Internacional de Noi Bai, em Hanói, para Entebbe (Uganda). , que se torna uma estação logística da ONU para os passos preparatórios, e de lá passaram por Kadougli (Sudão) até Abyei.

Desde o final de março de 2022, mais de duas mil toneladas de equipamentos e mercadorias foram preparadas e movimentadas para a unidade vietnamita. No dia 3 de maio, o destacamento avançado, composto por 28 membros, partiu para a Força de Segurança Interina da ONU para Abyei (UNISFA), com o objetivo de assumir o quartel da missão e coordenar com os órgãos competentes para receber os dispositivos transportados por mar do país da Indochina.

A primeira equipe de engenheiros do Vietnã foi oficialmente estabelecida em 17 de novembro de 2021. Juntamente com os hospitais de campo de segunda linha, o contingente de engenheiros contribuirá para fornecer atividades de assistência humanitária e auxiliar missões de paz da ONU para realizar suas tarefas.

Esta é a primeira vez que o Vietnã envia uma equipe de engenheiros para participar das operações de paz da maior instituição do mundo, a primeira unidade com o maior número de oficiais integrados.

FIQUE POR DENTRO