quinta-feira, 30 maio, 2024

Vietnã e Indonésia concordam em reforçar a parceria estratégica bilateral

O Presidente do Vietnã, Vo Van Thuong , e o seu homólogo indonésio, Joko Widodo, na cerimónia de boas-vindas (Fonte: VNA)

Hanói (VNA) – O Presidente do Vietnã, Vo Van Thuong, presidiu hoje à cerimónia de boas-vindas ao seu homólogo indonésio, Joko Widodo, que se encontra em visita de Estado ao país de 11 a 13 deste mês.

Os dois líderes passaram em revista a guarda de honra, cumprimentaram as respetivas delegações e, posteriormente, mantiveram conversas de alto nível.

Van Thuong saudou a visita de Estado do Presidente Joko Widodo, destacando que o Vietnã sempre considera importante e espera fortalecer ainda mais as relações tradicionais e a parceria estratégica com a Indonésia com base em valores e benefícios semelhantes, confiança e compreensão mútua, bem como nos compromissos comuns do direito internacional.

Por seu lado, Joko Widodo ratificou também a vontade de aprofundar relações de amizade e cooperação tradicionais com o Vietnã – único parceiro estratégico da Indonésia na Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN).  

Os dois dirigentes manifestaram satisfação com o desenvolvimento forte e dinâmico da parceria estratégica bilateral, que se reflete na manutenção de visitas e contatos regulares entre altos dirigentes dos dois países, bem como nos resultados positivos da cooperação nos domínios da segurança, defesa , educação e formação, cultura e turismo, ligação local e intercâmbio interpessoal.

Vietname e Indonésia concordam em reforçar a parceria estratégica bilateral hinh anh 2O panorama da reunião. (Fonte: VNA)

Na ASEAN, a Indonésia é o terceiro parceiro comercial do Vietnã, enquanto o país indo-chinês se torna o quarto parceiro comercial da Indonésia. Apesar da COVID-19, o comércio bilateral continua a aumentar, de nove mil milhões em 2019 para quase 14 mil milhões de dólares em 2023. No

futuro, as duas partes concordaram em reforçar ainda mais a confiança política através do intercâmbio de delegações e contatos de todos os níveis; coordenar a implementação eficaz de mecanismos de cooperação bilateral; e construir em breve o Programa de Ação no período 2024-2028.

Com base nas conquistas de colaboração durante as últimas sete décadas, ratificaram a necessidade de elevar os laços entre os dois países a um nível mais elevado.

Defenderam a promoção de laços noutros domínios importantes, como a defesa e segurança e a cooperação marítima; aumentar a troca de experiências no combate ao crime transnacional; e não permitir que nenhum indivíduo ou organização utilize o território de um para lutar contra o outro.

Os dois dirigentes manifestaram o seu apoio ao reforço da cooperação nas áreas da agricultura e aquicultura, informação e comunicação, educação e formação, cultura, desporto, turismo, ligação entre localidades, empresas, bem como abertura de mais voos diretos.

Vietname e Indonésia concordam em reforçar a parceria estratégica bilateral hinh anh 3Os dois líderes co-presidiram a conferência de imprensa conjunta para relatar os resultados das suas conversações e os principais conteúdos da cooperação futura.

Enfatizaram também a necessidade de expandir a cooperação em domínios novos e potenciais, como finanças inteligentes, transição energética, transformação digital, inovação criativa, desenvolvimento do ecossistema de veículos elétricos e baterias elétricas.

Concordaram em aumentar em breve o comércio bilateral para 15 mil milhões de dólares ou mais, reduzindo as barreiras comerciais e facilitando as atividades de importação e exportação dos seus principais produtos, incluindo o arroz.

Van Thuong apelou à Indonésia para facilitar a entrada de produtos agrícolas e Halal de origem vietnamita, e para que as duas partes continuem a cooperar na luta contra a pesca ilegal, não declarada e não regulamentada (INN).

Enquanto Widodo esperava que as empresas vietnamitas expandissem os seus investimentos na Indonésia .

Sobre questões regionais e internacionais de interesse comum, as duas partes concordaram em aumentar as consultas, a coordenação estreita e o apoio mútuo nos fóruns regionais e internacionais, e em trabalhar em conjunto para promover a solidariedade e a centralidade da ASEAN.

Reafirmando a importância da paz, estabilidade, segurança e liberdade de navegação marítima e aérea no Mar do Leste, disseram que os dois países se coordenarão para manter a solidariedade e a posição comum da ASEAN sobre esta questão.

Comprometeram-se a cumprir plena e eficazmente a Declaração sobre a Conduta das Partes Interessadas no Mar do Leste (DOC) e a promover negociações para alcançar um Código de Conduta (COC) substantivo e eficaz, em conformidade com o direito internacional, especialmente a Convenção sobre o Nações Unidas sobre o Direito do Mar (UNCLOS) em 1982.

No final das conversações, os dois líderes testemunharam a assinatura de dois memorandos de entendimento sobre a cooperação nas tecnologias da informação e comunicação e nas pescas.

Em seguida, co-presidiram a conferência de imprensa conjunta para relatar os resultados das suas conversações e os principais conteúdos da cooperação futura.

FIQUE POR DENTRO