domingo, 14 abril, 2024

A Indonésia busca transformar a ASEAN em um centro de crescimento global

(Foto: Dao Trang/VNA)

A região da ASEAN tem recursos suficientes para se tornar um centro de crescimento econômico global, de acordo com o Ministro Coordenador da Economia da Indonésia, Airlangga Hartarto.

Jacarta (VNA) – A região da ASEAN tem recursos suficientes para se tornar um centro de crescimento econômico global, de acordo com o Ministro Coordenador da Economia da Indonésia, Airlangga Hartarto.

O responsável indonésio mostrou que a região tem uma população de mais de 650 milhões de pessoas, um produto interno bruto que atingiu os três mil 360 milhões de dólares em 2021, o que faz da ASEAN a quinta maior região económica do mundo.

O comércio entre a ASEAN e seus parceiros também cresceu significativamente, depois de atingir um crescimento de 34% na última década. Enquanto isso, o investimento estrangeiro colocado na ASEAN em 2021 atingiu US$ 179 bilhões. A maioria dos países da ASEAN registrou taxas de inflação abaixo do nível mundial nesse período.

Airlangga Hartarto disse que a Indonésia, como presidente da ASEAN este ano, estabeleceu 16 Produtos Econômicos Prioritários (PEDs) que se enquadram em três eixos estratégicos, incluindo recuperação-reconstrução, economia digital e sustentabilidade.

A principal estratégia da Indonésia para aumentar a integração econômica e fortalecer a competitividade da ASEAN é a transformação digital, expandindo as transações em moeda local e acelerando as negociações do Acordo de Parceria de Economia Digital (DEPA).

O ministro Airlangga disse que, para incentivar a melhoria dessas várias conquistas, a ASEAN deve aproveitar a cooperação econômica na região, tanto na forma do acordo de livre comércio ASEAN 1 quanto na Parceria Econômica Regional Abrangente (RCEP).

FIQUE POR DENTRO