quinta-feira, 13 junho, 2024

Promove a conectividade ASEAN de pagamentos e transações em moedas locais

Em sessão restrita da 42ª Cúpula da ASEAN.(Foto: VNA)

A 42ª Cúpula da Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), realizada no município indonésio de Labuan Bajo, adotou uma Declaração Conjunta de Líderes sobre a Promoção da Conectividade de Pagamentos e Transações em Moedas Locais.

Jacarta (VNA) A 42ª Cúpula da Associação das Nações do Sudeste Asiático (ASEAN), realizada no município indonésio de Labuan Bajo, adotou uma Declaração Conjunta de Líderes sobre a Promoção da Conectividade de Pagamentos e Transações em Moedas Locais.

Os líderes se comprometeram a aumentar a conectividade de pagamento na região, aproveitando as novas oportunidades trazidas pela inovação para facilitar pagamentos transfronteiriços seguros e sem interrupções.

Eles concordaram em encorajar o uso de moedas locais para transações na região e apoiaram o estabelecimento de um grupo de trabalho para explorar e desenvolver a estrutura de transações em moeda nacional da ASEAN .

Eles também defenderam o fortalecimento da cooperação para promover a conectividade de pagamento regional e facilitar a interoperabilidade entre sistemas de pagamento transfronteiriços, melhorar a infraestrutura, acelerar a digitalização de aplicativos de pagamento, inclusão financeira, desenvolvimento de recursos humanos e maior segurança cibernética.

Além disso, votaram por uma maior colaboração na promoção de transações em moedas locais e no papel das agências reguladoras financeiras para reduzir a vulnerabilidade da região a choques externos negativos.

Eles concordaram em gestão de moeda flexível, melhoria da infra-estrutura do mercado financeiro e redução dos custos de transação transfronteiriça.

Os líderes também destacaram a proposta de conectar a iniciativa ASEAN Local Currency Transactions Framework com outras relacionadas a pagamentos transfronteiriços, incluindo o sistema regional de conexão de pagamentos.

Consequentemente, eles concordaram em trabalhar com parceiros externos, organizações internacionais e o setor privado para promover a conectividade de pagamentos e transações em moeda local na região.

FIQUE POR DENTRO